Claudia Schiavone

Essaúna, Cigana, Claudia... Muitas vidas, Infinitas palavras!

Textos


Que doce inquietante e louco amor,
Trazendo pra vida tempero e sabor,
Deixando no abraço infinito calor,
Sentindo no beijo paixão e frescor,
Pintando na face alegria e rubor,
Incendiando no peito todo o furor,
Arrebatando como vulcão avassalador,
Inebriando a alma como licor,
Formando imagens tal qual um escultor,
Matizando as cores sem contrapor,
Compondo canções como único autor,
Descrevendo sensações com muita cor,
Viajando por eras num mundo superior,
Fazendo das lágrimas alegria e torpor,
Buscando na simplicidade o indicador,
Semeando no tempo toda e qualquer flor,
Respirando dela o perfume tão encantador,
Movendo as mãos com rimas e louvor,
Usando toda poesia como divisor,
Enaltecendo cada instante com luz e fervor,
Confirmando toda beleza e perfeição do criador!
 
Claudia Schiavone- Espanha- 10/05/14
Claudia Schiavone
Enviado por Claudia Schiavone em 11/05/2014

Música: Johannes Linstead - Mi Angel - Desconhecido

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras